MENU

AVE MARIA

Ave-Maria, cheia de graça! O Senhor é convosco Bendita sois vós entre as mulheres e Bendito é o Fruto do vosso ventre, Jesus Santa Maria Mãe de Deus, rogai por nós os pecadores, agora e na hora de nossa morte. Amém

Páginas

OLÁ!



terça-feira, 2 de setembro de 2014

PREFEITO DE PÁDUA INSTALA CRUCIFIXOS E PROIBE CULTOS ISLÂMICOS EM PRÉDIOS PÚBLICOS

02-09-2014

Prefeito de Pádua instala crucifixos e proíbe cultos islâmicos em prédios públicos

Luis Dufaur (*)

Massimo Bitonci com crucifixos para instituições da prefeitura de Pádua.

O prefeito da cidade italiana de Pádua, Massimo Bitonci, dispôs que a municipalidade distribua um crucifixo que será afixado obrigatoriamente em cada escola e dependência governamental, noticiou Christian Action Network
“Tirem as mãos dos crucifixos ou vai ter problema”, disse o prefeito da cidade do santuário de Santo Antônio, quando uma decisão de um tribunal europeu – logo revogada – tentou banir as cruzes e os sinais católicos dos prédios públicos italianos.
Agora Massimo Bitonci se engajou numa “nova cruzada” pelos crucifixos em escolas e prédios públicos. E ao mesmo tempo interditou as orações maometanas neles.

Uma coisa puxa a outra, e as duas práticas religiosas não podiam coexistir, dada a militância dos islâmicos contra os cristãos e o respeito da dignidade do instrumento da Redenção que o Islã odeia especialmente.

“Agora, em todos os prédios e escolas haverá obrigatoriamente um belo crucifixo doado pela municipalidade. E ai de quem mexer neles”, escreveu o prefeito em sua conta de Facebook.

Acompanhando o anúncio, Bitonci postou uma foto em que ele aparece segurando um crucifixo junto a um grupo de pessoas. Em 2009, quando era senador, Bitonci promoveu a distribuição de crucifixos em Abano Terme, na mesma província de Pádua.

Ele também interditou as orações do Ramadã islâmico nos prédios públicos. O prefeito anterior havia autorizado que os maometanos se reunissem num ginásio.

Mas o prefeito acenou para o cancelamento da concessão, porque os “ginásios só devem ser usados para esportes e educação da juventude. A nova administração não mais autorizará esse tipo de atividades (orações muçulmanas) nos ginásios municipais”.

( * ) Luis Dufaur é escritor e colaborador da ABIM


Fonte: Agência Boa Imprensa – (ABIM)

PAPA: A autoridade do cristão vem da unção do Espírito Santo

O Papa Francisco afirmou hoje que mesmo as pessoas mais simples, como uma velhinha da paróquia, ainda que com pouco estudo, podem dizer coisas sobre Deus e Jesus melhor do que um teólogo, porque estão ungidas pelo Espírito Santo.
“A autoridade do cristão provém do Espírito Santo, não da sabedoria humana ou de láureas em teologia”: este foi o destaque da homiliaproferida pelo Papa Francisco na missa matutina desta terça-feira.
“As pessoas estavam maravilhadas com o ensinamento de Jesus, porque sua palavra ‘tinha autoridade’”. A passagem do Evangelho do dia (Lc 4, 16-30) serviu como inspiração ao Papa para falar da natureza da autoridade do Senhor e, consequentemente, do cristão.

NOSSA SENHORA CHORA NO IRAQUE


Ache outros vídeos como este em Ave Luz

 

Nossa Senhora chora no Iraque
Estátua da Virgem Maria na Igreja de São José no Iraque começou a chorar, lágrimas que depois se transformaram em sangue. Aconteceu em 9/8/2014.
A Igreja localiza-se em Bagdá.

Fonte: http://aveluz.ning.com/video/video/show?id=3019310%3AVideo%3A157210&xgs=1&xg_source=msg_share_video

NOSSA SENHORA RAINHA

Nossa Senhora Rainha
Em meio ao júbilo de toda a corte celeste, o Pai Eterno A coroou, comunicando-Lhe a onipotência da súplica, o Filho, a sabedoria; e o Espírito Santo o amor.

O glorioso título de Rainha
Nossa Senhora Rainha da Familia.jpg
Nossa Senhora Rainha da Família
Paróquia Santa
Maria Maior - Ronda - Espanha

Essa augusta prerrogativa de Nossa Senhora nos é apresentada com maior profundidade pelo santo Fundador dos Redentoristas, ao iniciar ele seus belos e piedosos comentários sobre a Salve Rainha:

"Tendo sido a Santíssima Virgem elevada à dignidade de Mãe de Deus, com justa razão a Santa Igreja A honra, e quer que de todos seja honrada com o título glorioso de Rainha. Se o Filho é Rei, diz Pseudo-Atanásio, justamente a Mãe deve considerar-se e chamar-se Rainha. Desde o momento em que Maria aceitou ser Mãe do Verbo Eterno, diz São Bernardino de Siena, mereceu tornar-se Rainha do mundo e de todas as criaturas. Se a carne de Maria, conclui Arnoldo abade, não foi diversa da de Jesus, como, pois, da monarquia do Filho pode ser separada a Mãe?
Por isso deve julgar-se que a glória do reino não só é comum entre a Mãe e o Filho, mas também que é a mesma para ambos.


POR QUE A IGREJA PERMITE O JURAMENTO SE JESUS O PROÍBE?

Nosso Senhor Jesus Cristo, em seu famoso “Sermão da Montanha”, é taxativo ao proibir juramentos. Ele diz:

Ouvistes também que foi dito ao antigos: “Não jurarás falso”, mas “cumprirás os teus juramentos feitos ao Senhor”. Ora, eu vos digo: não jureis de modo algum, nem pelo céu, porque é o trono de Deus, nem pela terra, porque é o apoio dos teus pés, nem por Jerusalém, porque é a cidade do Grande Rei. Também não jures pela tua cabeça, porque não podes tornar branco ou preto um só fio de cabelo. Seja o vosso sim, sim, e o vosso não, não. O que passa disso vem do Maligno. (Mt 5, 33-37)

Diante de uma proibição tão clara, como pode a Igreja permitir - muitas vezes exigir - o juramento de seus filhos? Ensina o Catecismo da Igreja Católica, que jurar “é invocar a Deus como testemunha do que se afirma. É invocar a veracidade divina como garantia da nossa própria veracidade”(1250).

NOSSA SENHORA DO SILÊNCIO

Irlanda - Knock - 21 de agosto de 1879

Apesar de Maria não ter dito uma palavra nesta aparição, não é por isso que ela não fala ao coração de cada um de nós.
A aldeia de Knock está situada a oeste de Dublin e a norte de Galway, no condado de Mayo. Em 1829, foi aí construída uma pequena e pobre igreja paroquial onde não cabiam mais de 30 pessoas. Foi dedicada a S. João Baptista. Em torno da Igreja havia uma pequena escola para rapazes e outra para raparigas. O terreno da igreja era rodeado por um muro de pedra.
Durante todo o século XIX, a Irlanda sofreu uma depressão da sua economia por causa das más colheitas, sobretudo da batata. No ano de 1879, os agricultores quase não tinham de comer. Nesse ano, houve mas uma desastrosa colheita de batata o que anunciava mais miséria e fome. As pessoas morriam de fome e de doenças, minadas por uma vida muito dura.

EVANGELHO DO DIA 02/09/2014

Terça-feira, 2 de Setembro de 2014.

Santo do dia: Beata Ingrid Elofsdotter, viúva
Cor litúrgica: verde

Evangelho de Hoje: São Lucas 4, 31-37

Primeira leitura: Coríntios 2, 10-16
Leitura da primeira carta de São Paulo aos Coríntios:
Irmãos, 10bo Espírito esquadrinha tudo, mesmo as profundezas de Deus. 11Quem dentre os homens conhece o que se passa no homem senão o espírito do homem que está nele? Assim também, ninguém conhece o que existe em Deus, a não ser o Espírito de Deus. 12Nós não recebemos o espírito do mundo, mas recebemos o Espírito que vem de Deus, para que conheçamos os dons da graça que Deus nos concedeu. 13Desses dons também falamos, não com palavras ensinadas pela sabedoria humana, mas com a sabedoria aprendida do Espírito: assim, ajustamos uma linguagem espiritual às realidades espirituais. 14O homem psíquico – o que fica no nível de suas capacidades naturais – não aceita o que é do Espírito de Deus: pois isso lhe parece uma insensatez. Ele não é capaz de conhecer o que vem do Espírito, porque tudo isso só pode ser julgado com a ajuda do mesmo Espírito. 15Ao contrário, o homem espiritual – enriquecido com o dom do Espírito – julga tudo, mas ele mesmo não é julgado por ninguém. 16Com efeito, quem conheceu o pensamento do Senhor, de maneira a poder aconselhá-lo? Nós, porém, temos o pensamento de Cristo.
- Palavra do Senhor
- Graças a Deus

Salmo 144 (145)
— Misericórdia e piedade é o Senhor, ele é amor, é paciência, é compaixão. O Senhor é muito bom para com todos, sua ternura abraça toda criatura.
R: É justo o Senhor em seus caminhos!
— Que vossas obras, ó Senhor, vos glorifiquem, e os vossos santos com louvores vos bendigam! Narrem a glória e o esplendor do vosso reino e saibam proclamar vosso poder!
R: É justo o Senhor em seus caminhos!
— Para espalhar vossos prodígios entre os homens e o fulgor de vosso reino esplendoroso. O vosso reino é um reino para sempre, vosso poder, de geração em geração.
R: É justo o Senhor em seus caminhos!
— O Senhor é amor fiel em sua palavra, é santidade em toda obra que ele faz. Ele sustenta todo aquele que vacila e levanta todo aquele que tombou.
R: É justo o Senhor em seus caminhos!

Evangelho de Jesus Cristo segundo São Lucas 4, 31-37
- Aleluia, Aleluia, Aleluia!
- Um grande profeta surgiu entre nós e Deus visitou o seu povo (Lc 7, 16)
Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo São Lucas:
Naquele tempo, 31Jesus desceu a Cafarnaum, cidade da Galiléia, e aí ensinava-os aos sábados. 32As pessoas ficavam admiradas com o seu ensinamento, porque Jesus falava com autoridade. 33Na sinagoga, havia um homem possuído pelo espírito de um demônio impuro, que gritou em alta voz: 34"Que queres de nós, Jesus Nazareno? Vieste para nos destruir? Eu sei quem tu és: tu és o Santo de Deus!" 35Jesus o ameaçou, dizendo: "Cala-te, e sai dele!" Então o demônio lançou o homem no chão, saiu dele, e não lhe fez mal nenhum. 36O espanto se apossou de todos e eles comentavam entre si: "Que palavra é essa? Ele manda nos espíritos impuros, com autoridade e poder, e eles saem". 37E a fama de Jesus se espalhava em todos os lugares da redondeza.
- Palavra da salvação
- Glória a Vós, Senhor

Copyright© Arautos do Evangelho 2011. Todos os direitos reservados.
Divulgação autorizada, citando a fonte.

segunda-feira, 1 de setembro de 2014

O ÚLTIMO DESEJO DE JOÃO PAULO II

Em um dos últimos documentos de seu pontificado, João Paulo II exortou a Igreja a celebrar corretamente o sacrifício eucarístico

Há exatos 10 anos, a Congregação para o Culto Divino, seguindo as disposições do então papa João Paulo II, publicava a Instrução Redemptionis Sacramentum[1]. O documento tinha por objetivo esclarecer alguns aspectos sobre a correta celebração da Eucaristia, e pôr termo à maré de abusos litúrgicos que se insurgia dentro da Igreja. Sendo a Santíssima Eucaristia o depósito "no qual está contido todo o bem espiritual da Igreja"[2], a preocupação do Santo Padre, exposta solenemente nessa instrução e na sua última encíclica, Ecclesia de Eucharistia, era nada mais que salvaguardar a fé dos fiéis, tornando a celebração dos sacramentos um ambiente livre de rixas e brigas fratricidas, advindas de falsas interpretações do Santo Sacrifício de Cristo.

O CÉU FALA AQUELES QUE ESTÃO FORA DA IGREJA

9 de Dezembro de 2006

Jesus

Eu chamo todos os que abandonaram a Minha Igreja. Digo-vos, voltai. Voltai para a segurança

do caminho sacramental. Será melhor para vós, e Eu só quero o que é melhor para vós. Tende a certeza do Meu bom acolhimento. Tende a certeza de que Eu quero que regresseis. Não penseis que não sois bem
acolhidos na vossa fé. Como é que isso poderia ser, se sou Eu, Jesus, que vos estou a chamar?
A Minha Igreja na terra representa-Me. É a Minha Igreja, e ela pertence-Me. Quando as pessoas da Minha Igreja Me representam adequadamente, sentis-vos acarinhados. Eu quero recolocar-vos na vossa Igreja e quero restaurar a vossa Igreja para vós.

EVANGELHO DO DIA 01/09/2014

Segunda-feira, 1 de Setembro de 2014.

Santo do dia: Santo Egídio (Gilles), abade
Cor litúrgica: verde

Evangelho de hoje: São Lucas 4, 16-30

Primeira leitura: Coríntios 2, 1-5
Leitura da primeira carta de São Paulo aos Coríntios:
1Irmãos, quando fui à vossa cidade anunciar-vos o mistério de Deus, não recorri a uma linguagem elevada ou ao prestígio da sabedoria humana. 2Pois, entre vós, não julguei saber coisa alguma, a não ser Jesus Cristo, e este, crucificado. 3Aliás, eu estive junto de vós, com fraqueza e receio, e muito tremor. 4Também a minha palavra e a minha pregação não tinham nada dos discursos persuasivos da sabedoria, mas eram uma demonstração do poder do Espírito, 5para que a vossa fé se baseasse no poder de Deus e não na sabedoria dos homens.
- Palavra do Senhor
- Graças a Deus

Salmo 118 (119)
— Quanto eu amo, ó Senhor, a vossa lei! Permaneço o dia inteiro a meditá-la.
R: Quanto eu amo, ó Senhor, a vossa lei!
— Vossa lei me faz mais sábio que os rivais, porque ela me acompanha eternamente.
R: Quanto eu amo, ó Senhor, a vossa lei!
— Fiquei mais sábio do que todos os meus mestres, porque medito sem cessar vossa Aliança.
R: Quanto eu amo, ó Senhor, a vossa lei!
— Sou mais prudente que os próprios anciãos, porque cumpro, ó Senhor, vossos preceitos.
R: Quanto eu amo, ó Senhor, a vossa lei!
— De todo mau caminho afasto os passos, para que eu siga fielmente as vossas ordens.
R: Quanto eu amo, ó Senhor, a vossa lei!
— De vossos julgamentos não me afasto, porque vós mesmo me ensinastes vossas leis.
R: Quanto eu amo, ó Senhor, a vossa lei!

Evangelho de Jesus Cristo segundo São Lucas 4, 16-30
- Aleluia, Aleluia, Aleluia!
- O Espírito do Senhor repousa sobre mim; e enviou-me a anunciar aos pobres o evangelho (Lc 4, 18)
Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo São Lucas:
Naquele tempo, 16veio Jesus à cidade de Nazaré, onde se tinha criado. Conforme seu costume, entrou na sinagoga no sábado, e levantou-se para fazer a leitura. 17Deram-lhe o livro do profeta Isaías. Abrindo o livro, Jesus achou a passagem em que está escrito: 18“O Espírito do Senhor está sobre mim, porque ele me consagrou com a unção para anunciar a Boa Nova aos pobres; enviou-me para proclamar a libertação aos cativos e aos cegos a recuperação da vista; para libertar os oprimidos 19e para proclamar um ano da graça do Senhor”. 20Depois fechou o livro, entregou-o ao ajudante e sentou-se. Todos os que estavam na sinagoga tinham os olhos fixos nele. 21Então começou a dizer-lhes: “Hoje se cumpriu esta passagem da Escritura que acabastes de ouvir”. 22Todos davam testemunho a seu respeito, admirados com as palavras cheias de encanto que saíam da sua boca. E diziam: “Não é este o filho de José?” 23Jesus, porém, disse: “Sem dúvida, vós me repetireis o provérbio: Médico, cura-te a ti mesmo. Faze também aqui, em tua terra, tudo o que ouvimos dizer que fizeste em Cafarnaum”. 24E acrescentou: “Em verdade eu vos digo que nenhum profeta é bem recebido em sua pátria. 25De fato, eu vos digo: no tempo do profeta Elias, quando não choveu durante três anos e seis meses e houve grande fome em toda a região, havia muitas viúvas em Israel. 26No entanto, a nenhuma delas foi enviado Elias, senão a uma viúva que vivia em Sarepta, na Sidônia. 27E no tempo do profeta Eliseu, havia muitos leprosos em Israel. Contudo, nenhum deles foi curado, mas sim Naamã, o Sírio”. 28Quando ouviram estas palavras de Jesus, todos na sinagoga ficaram furiosos. 29Levantaram-se e o expulsaram da cidade. Levaram-no até o alto do monte sobre o qual a cidade estava construída, com a intenção de lançá-lo no precipício. 30Jesus, porém, passando pelo meio deles, continuou o seu caminho.
- Palavra da salvação
- Glória a Vós, Senhor


Copyright© Arautos do Evangelho 2011. Todos os direitos reservados.
Divulgação autorizada, citando a fonte.

DESEJO À VOCÊ!

Que… “Chuvas de Bênçãos sejam derramadas abundantemente sobre ti e tua Casa“… Que… a Unção de DEUS seja como um bálsamo a envolver tua vida e te Ungir Completamente pela Glória de DEUS“… Que… “DEUS faça prosperar tudo aquilo que vier até tuas mãos, e que de uma semente cresçam milhares de árvores Frutíferas“… Que… “Todas as Promessas de DEUS sejam uma Coroa de Vitória e Vida para você como Prova da Fidelidade do teu DEUS, acerca de tudo o que Ele Fala e Cumpre“… Que… “Rios de águas Vivas corram dentro de tí, purificando, e levando tudo aquilo o que não é de DEUS“. Que…“A Glória de DEUS repouse sobre sua vida…Amém ...